terça-feira, 8 de setembro de 2009

E-mail...


Estranho entrar na minha caixa e-mail e não encontrar lá nenhum e-mail de nenhum amigo, talvés não os tenha... os dias de hoje nos fecham em nós mesmos. Lembro de escrever cartas e mandar pelo correio, sempre tinha para quem escrever, sempre recebia cartas e sempre as enviava.
Por e-mail também, em outro tempo, recebia e-mails muitos e de muitos amigos, ou pensei que fossem amigos... ou será que fui eu a mandá-los embora por meio de minhas neuroses e desconfianças!
O que sei é que dói ver apenas propagandas e publicidades e nada além disso. Por um tempo tentei reacender essas amizades enviando e-mails, alguns responderam, outros não, e por fim, tudo esmoreceu e acabou como antes, mas nenhum e-mail.

Um comentário:

Nadja Teles disse...

Glaudema querida as vezes tenho essa mesma sensação. Estava muito preocupada com você por conta de não estar postando